Pressão Correta para o seu Automóvel

Porquê medir a pressão dos pneus?

Para sua segurança e conforto, assim como para a duração dos seus pneus, é importante que verifique regularmente a pressão dos seus pneus

Não é o pneu que suporta o peso do seu veículo, mas sim a pressão do ar. A pressão dos pneus é expressa normalmente em Bar, uma unidade de pressão equivale a exatamente 100 000 Pascais (105 Pa). Este valor de pressão é muito próximo ao da pressão atmosférica padrão, que é definido como 101.325 Pa. Portanto, não é surpresa que a pressão dos pneus influencie muitas características importantes no desempenho do veículo, como: conforto ao conduzir, estabilidade direcional, aderência nas curvas e nas travagens, além do comportamento geral de condução. Conduzir com pressão incorreta nos pneus terá uma influência negativa em uma ou mais dessas características importantes.

Onde posso encontrar a pressão correta para o meu pneu?

Pode encontrar a pressão correta (medida em PSI ou BAR) no seu manual do carro. Pode também haver um autocolante na porta do condutor com essa informação ou na tampa do depósito de combustível. Caso não encontre esta informação pode consultar esta tabela de pressões da Continental. A pressão baseia-se no peso, tamanho do veículo e utilização do mesmo, pelo que o manual poderá indicar varias pressões dependendo da utilização ou da carga que transporta, é importante usar a pressão recomendada pelo fabricante do seu veículo, isso vai garantir a segurança e desempenho ideal.

Nitrogenio / Azoto

Como verifico a pressão dos meus pneus?

Recomendamos que dedique cinco minutos no início de cada mês para verificar a pressão dos pneus e não se esqueça de verificar o seu pneu sobressalente!

As pressões recomendadas para o seu veículo são baseadas na pressão à temperatura ambiente, pois o ar expande quando aquecido e contrai quando a temperatura diminui. Isso significa que se deve verificar a pressão pela manhã antes de o pneu rolar, pois a fricção do pneu com a estrada faz com que a temperatura do pneu aumente ate 15 graus, antes da temperatura ambiente subir e antes da exposição à luz solar direta. As temperaturas diárias aumentam e diminuem entre dia e noite e à medida que avançamos nas estações. A pressão dos pneus pode flutuar 0.007 BAR a cada 10 graus Fahrenheit.

Na prática
  • Utilize um manómetro aferido.
  • Efetue a verificação quando os pneus estiverem frios, uma vez que os pneus aquecem durante a condução, o que pode afetar a leitura. Efetue a verificação logo de manhã.
  • Desaperte a tampa da válvula e coloque o manómetro sobre a válvula. É normal ouvir um pouco de ar a escapar inicialmente quando coloca o manómetro, pelo que não deverá preocupar-se.
  • Leia a pressão no manómetro e compare com os valores de bar ou psi recomendados para o seu pneu, levando em consideração a carga ou utilização do seu veículo.
  • Se a leitura estiver acima do valor recomendado, empurre a válvula para deixar sair um pouco de ar.
  • Se a leitura estiver abaixo do valor recomendado, utilize o seu compressor de ar até atingir o nível correto, ou dirija-se ao nosso posto, ou a uma bomba de gasolina.
  • Verifique novamente a pressão com o manómetro e compare com as especificações do fabricante.
  • Se estiverem corretas, volte a colocar as tampas das válvulas em cada pneu.
  • Verifique todos os pneus, não se esqueça do pneu de reserva.

Tenho um furo?

Um pneu perde parte da sua pressão através de causas naturais (em média cerca de 0,1 bar por mês). A perda de pressão pode ser acelerada por outras fugas de ar devido:

  • A um furo acidental, pregos, parafusos ou outros objetos;
  • Válvula tubeless com fissuras (deve ser substituída sempre que um pneu é trocado);
  • Interior da válvula, que é essencial para garantir uma vedação hermética.
  • Jante, empenos, falta de material, ou tinta em mau estado.

sempre que detete que um pneu perde mais presão do que os outros deverá marcar uma visita ao nosso posto para fazermos uma avaliação e verificarmos o estado dos seus pneus, realizamos a reparaçoes de furos em pneus.

O que acontece se os meus pneus tiverem pressões incorretas?

Os seus pneus foram projetados para oferecer um contacto otimizado com a superfície da estrada a uma determinada pressão.

Se os seus pneus tiverem com excesso de pressão, terão uma área de contacto com a estrada reduzida - e isto afetará a sua segurança, eficiência de combustível e desempenho. Os seus pneus desgastam-se a um ritmo desigual, fazendo com que seja perigoso conduzir com eles.

Pneus com pressão insuficiente, isto aumentará a resistência ao rolamento do seu veículo, são propensos ao sobreaquecimento, consomem mais combustível e desgastam-se mais rapidamente. A condução do seu veículo será prejudicado também: tornando-o mais suscetível a furos, aumentando a distância de travagem e aumentando o risco de derrapagem.
Um pneu com uma pressão 20% inferior à correta pode ter um tempo de vida inferior em 20%. Isto significa uma diminuição de 8000 km numa quilometragem potencial de 40 000 km, para além de aumentar as emissões de CO2.

Influencia de pressão em pneus uniroyal

Em suma.

Se ainda não se sentir à vontade a verificar a pressão de seus pneus, ou não quiser sujar as mãos :P visite o nosso posto. Teremos todo o prazer em ajudar e responder a quaisquer duvida que possa ter